quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Escritores ciganos famosos






Boa tarde!
O povo cigano tem uma forte conexão com a natureza, e um grande orgulho de sua cidadania.
Além da imensa capacidade de adaptação, sua alegria característica, corre em suas veias, o amor à arte e beleza que, muitas vezes se expressa na forma de poesia e escrita.
Vamos conhecer três nomes exponentes da poesia, e literatura brasileira e mundial, que talvez você não saiba que são de origem cigana.







 Antonio Frederico de Castro Alves - poeta brasileiro que falava de amor, mas também demonstrava sua indignação contra a escravidão dos negros vindos da África, em seus poemas.


A canção do africano

Lá na úmida senzala,
Sentado na estreita sala,
Junto ao braseiro, no chão,
Entoa o escravo o seu canto,
E ao cantar correm-lhe em pranto
Saudades do seu torrão...

De um lado, uma negra escrava
Os olhos no filho crava,
Que tem no colo a embalar...
E à meia voz lá responde
Ao canto, e o filhinho esconde,
Talvez pra não o escutar!

"Minha terra é lá bem longe,
Das bandas de onde o sol vem;
Esta terra é mais bonita,
Mas à outra eu quero bem!

"0 sol faz lá tudo em fogo,
Faz em brasa toda a areia;
Ninguém sabe como é belo
Ver de tarde a papa-ceia!

"Aquelas terras tão grandes,
Tão compridas como o mar,
Com suas poucas palmeiras
Dão vontade de pensar ...

"Lá todos vivem felizes,
Todos dançam no terreiro;
A gente lá não se vende
Como aqui, só por dinheiro".

O escravo calou a fala,
Porque na úmida sala
O fogo estava a apagar;
E a escrava acabou seu canto,
Pra não acordar com o pranto
O seu filhinho a sonhar!

............................

O escravo então foi deitar-se,
Pois tinha de levantar-se
Bem antes do sol nascer,
E se tardasse, coitado,
Teria de ser surrado,
Pois bastava escravo ser.

E a cativa desgraçada
Deita seu filho, calada,
E põe-se triste a beijá-lo,
Talvez temendo que o dono
Não viesse, em meio do sono,
De seus braços arrancá-lo!
Castro Alves





Cecília Meirelles Jornalista, professora, pintora, poetisa brasileira.Influenciou os movimentos literários como Parnasianismo, Modernismo e Simbolismo.
Canção de Outono
Perdoa-me, folha seca, 
não posso cuidar de ti.


Vim para amar neste mundo, 
e até do amor me perdi.


De que serviu tecer flores
pelas areias do chão 
se havia gente dormindo 
sobre o próprio coração?

E não pude levantá-la!


Choro pelo que não fiz.


E pela minha fraqueza
é que sou triste e infeliz.


Perdoa-me, folha seca!


Meus olhos sem força estão
velando e rogando aqueles 
que não se levantarão...

Tu és folha de outono 
voante pelo jardim.


Deixo-te a minha saudade
- a melhor parte de mim.


E vou por este caminho,
certa de que tudo é vão.


Que tudo é menos que o vento,
menos que as folhas do chão...
Cecília Meireles




Federico García Lorca -  Poeta, dramaturgo, pintor e pianista espanhol.Deixou várias obras de poesia, prosa e teatro.
Se as minhas mãos pudessem desfolhar

Eu pronuncio teu nome
nas noites escuras,
quando vêm os astros
beber na lua
e dormem nas ramagens
das frondes ocultas.

E eu me sinto oco
de paixão e de música.

Louco relógio que canta
mortas horas antigas.

Eu pronuncio teu nome,
nesta noite escura,
e teu nome me soa
mais distante que nunca.
Mais distante que todas as estrelas
e mais dolente que a mansa chuva.

Amar-te-ei como então
alguma vez? 
Que culpa
tem meu coração?

Se a névoa se esfuma,
que outra paixão me espera?

Será tranqüila e pura?

Se meus dedos pudessem
desfolhar a lua!!

Federico García Lorca
Desejando a todos um excelente fim de semana.Abração com carinhoElza Ghetti Zerbatto


pesquisa autores e fotos: https://pt.wikipedia.orgpoesias fonte: https://www.pensador.com



terça-feira, 28 de agosto de 2018

Qual é o seu signo cigano? (Parte 2)



Boa tarde!
Conforme foi prometido, encerro a segunda e última parte dos signos ciganos.



23/09/ a 22/10 - Moeda - analogia ao signo de Libra
Representa equilíbrio e justiça na parte material e espiritual.
A cara da moeda simboliza a matéria e a coroa o espírito.
A pessoa deste signo é sociável, gosta de ajudar os outros.
Tem dotes artísticos.




23/10 a 21/11 - Adaga - analogia ao signo de Escorpião
Uma adaga é dada ao cigano, quando este  passa da sua adolescência e entra na fase adulta de vida.
Pessoa de personalidade impactante, misteriosa, que tem uma percepção rápida e intuitiva do que ocorre onde estiver.
Está ligado á morte, mudanças e transformações.











22/11 a 21/12 Machado - analogia com o signo de Sagitário
 Apreciador da liberdade, detesta rotina e sentir-se preso.
O machado representa o corte, a quebra de obstáculos e barreiras.
De personalidade muito alegre e otimista.









22/12 a 20/1 - Ferradura - analogia com o signo de Capricórnio
Trabalhador, esforçado, fechado, sério.
É um símbolo de proteção cigano que se usa como talismã, para atrair sorte, riqueza  e afastar energias negativas.






21/1 a 19/2 - Taça - analogia com o signo de Aquário 
Inteligente, faz amizade fácil, inquieto, rebelde.
No casamento cigano é usual os noivos tomarem o vinho na mesma taça.
O que simboliza a união e comunhão.










20/2 a 20/3 - Capela - analogia com o signo de Peixes
Para os ciganos é o símbolo do Grande Deus.
Representa a fé e religiosidade.
Místico, sensível, mediúnico,  sonhador, espiritual.



Desejando a todos uma excelente terça-feira.


Elza Ghetti Zerbatto




Fonte de pesquisa:









sábado, 18 de agosto de 2018

Qual é o seu signo cigano? (Parte 1)




Bom dia!

O povo cigano utiliza diversos tipos de oráculos em suas previsões.
Entre eles está a Astrologia cigana, que é bem próxima á Astrologia Ocidental.  A diferença é que os símbolos ciganos são objetos usados por seu povo, ao invés de representação de animais.
Ficou curioso?
Leia então as características seguindo as datas que estão na ordem a seguir.






 Punhal de 21/3 a 20/4 analogia ao signo de Áries

Determinado, impulsivo. líder nato, inquieto.
Representa pioneirismo e superação, e era usado,
para abrir a mata quando os ciganos nesta entravam.




Coroa - 21/4 a 20/5 analogia com o signo de Touro
Tem a simbologia de sentimentos de nobreza, amor e poder.
Valoriza a estabilidade financeira.
É teimoso, tenaz, trabalhador.





Candeias - 21/5 a 21/6 analogia com o signo de Gêmeos

As luzes simbolizam  conhecimento, sabedoria e verdade.
Inquieto,  de fácil comunicação, adora estudar, pesquisar, saber.




Roda - 22/6 a 21/7 analogia com o signo de Câncer
Emotivo, sensível, intuitivo, ligado á energia lunar que a rege.
Simboliza as mulheres, gestação, o mundo feminino.







Estrela - 22/7 a 22/8  analogia com o signo de Leão
Contagia a todos com seu otimismo e alto astral, e veio ao mundo para brilhar.
Esta estrela cigana tem 6 pontas, que o formam os dois triângulos que representam a igualdade, entre os que estão em cima e embaixo.






Sino - 23/8 a 22/9 analogia com  o signo de Virgem

Inteligente, crítico, perfeccionista, observador.
Os ciganos em épocas passadas associaram a imagem do sino á exatidão, disciplina e pontualidade do relógio.


Desejando a todos um excelente fim de semana.
A próxima postagem final será daqui há 10 dias.


Elza Ghetti Zerbatto





Fonte de pesquisa: internet

Imagens do punhal até a estrela: https://freepik.com

Imagem do sino: www.baixaki.com.br


sexta-feira, 3 de agosto de 2018

A primeira poetisa cigana













O povo cigano (romani) tem uma tradição oral passada de geração-a-geração, e existem poucos textos escritos por ele que, somente se encontram disponíveis nas décadas mais atuais.
A grande parte das mulheres ciganas antigamente era analfabeta, coisa que hoje já está mudando.
Imaginem então em 1908, uma mulher camponesa se tornar uma grande e conhecida poetisa, que aprendeu a ler e escrever em aldeias polonesas!
Além de ser poetisa, era também cantora e compositora de origem polonesa.
Seu nome é Bronislawa Wajs e viveu entre 1908 e 1987.
Seu apelido era Papusza, que em romani significa boneca.
Um dos seus livros mais conhecidos é Tears of Blood cuja tradução é  Lágrimas de Sangue.
Segue um trecho do mesmo que foi escrito entre 1943 e 1944, e onde percebe-se seu amor ao seu povo, á natureza e sua fé em Deus:

"Quando o grande inverno chegar,
Como as ciganas farão com suas pequenas crianças?
Onde irão encontrar agasalhos?
Tudo está em trapos.
Só se deseja morrer.
Ninguém sabe, apenas o céu.
Apenas o rio ouviu nosso lamento.
Quais olhos nos vêem como inimigos?
Quais lábios nos amaldiçoam?
Não os ouça, Deus.
Ouça-nos.


Elza Ghetti Zerbatto


Deixando a todos um grande abraço com carinho, e um excelente fim de semana


Fonnte de pesquisa: http://www.amsk.org.br

 Imagem: https://www.tumblr.com

terça-feira, 24 de julho de 2018

Vestimentas ciganas























Quando se fala em ciganos logo lembramos de mulheres vestidas com saias longas, coloridas, com muitos acessórios como brincos, pulseiras, colares, cintos de moedas.
A pergunta que não quer calar:
- Por que é que suas saias são tão longas que arrastam-se pelo chão?
Existem pesquisas que mostram que os ciganos tenham surgido da Índia, e o costume da mulher tradicional indiana é vestir-se com saia longa, pois não é bem visto, mostrar em locais públicos as pernas devido á sensualidade destas.
Na comunidade cigana a mulher sempre trajará, saias ou mesmo vestidos longos.
As estampas das saias variam muito, e também as  cores, estampas e padronagem e podem possuir até 12 metros de comprimento.
A mulher cigana casada usa lenços, amarados, em coques, ou presos junto aos cabelos.
O homem cigano costuma usar coletes, chapéus e até mesmo lenços amarrados, e também pulseiras, colares e anéis.
O uso da cor vermelha é comum a ambos os sexos.
O povo cigano adora adornos dourados, e muito ouro pois esta cor e metal remetem á riqueza e prosperidade.
Os ciganos mais jovens apreciam a moda dos gadjo (não ciganos), e muitos já a usam no seu dia-a-dia, e em festas trajam-se com as vestimentas tradicionais.

Elza Ghetti Zerbatto

Desejando uma semana de muita paz e harmonia a todos.
Abração com carinho




imagens: https://ciadosgifs.blogspot.com/


terça-feira, 10 de julho de 2018

Plantas e ervas muito usadas pelos ciganos







































Boa noite!

O povo cigano é bastante conhecido pelo seu amor á natureza e o  seu misticismo característico.
Os ciganos gostam de usar as ervas de vários modos em seu dia-a-dia, seja em forma de chás para curar, tratar doenças, banhos, encantamentos, poções, proteção e mesmo na culinária.
Cada erva e planta possui uma ou mais funções específicas.
Há uma infinidade de ervas e plantas, então citarei apenas algumas das mais conhecidas.

Ervas e plantas e seus usos:


Afrodisíacos:
Almiscar
Canela
Cravo-da-Índia
Rosa vermelha


Calmantes e relaxantes em forma de chás ou banho:
Camomila
Capim cidreira
Erva-doce
Hortelã
Manjericão


Proteção espiritual e bloqueio de energias densas:
Alfazema
Alecrim - serve para chás, banhos e culinária.
Alho - muito utilizado na culinária.
Arruda e cânfora- muito utilizadas como defumadores.
Comigo ninguém-pode, espada de São Jorge e Guiné são plantas venenosas que podem ser usadas, na forma de ornamento em vasos como filtro de energias negativas.
Havendo vibrações ruins no local ou ao redor as plantas secarão, pois as absorverão mesmo que estejam devidamente cuidadas.
Não se deve de forma alguma ingeri-las.
Pimenta - ótimo filtro para neutralizar energias negativas muito utilizada na culinária.

Prosperidade:
Canela - pode ser usada tanto em chás, como tempero para doces e salgados.
É bom ter um pedaço de canela em pau guardada na carteira, para atrair dinheiro.
Cravo-da-Índia - pode ser  utilizado tanto na culinária como em forma de banho.
Girassol - por causa de sua cor amarela, e energia solar é associado á fama, sucesso e positividade.
Louro - pode ser usado tanto na comida como para banhos.


Elza Ghetti Zerbatto


Desejando a todos uma semana de muitas energias positivas.
Optchá!








girassol: www.baixaki.com.br

alecrim: https://pixabay.com

camomila: http://www.osmais.com


segunda-feira, 25 de junho de 2018

Elementos de decoração presentes nos lares ciganos





Bom dia!




O povo cigano valoriza muito sua cultura e costumes, e isso se faz presente de forma intensa na arte de decorar sua casa.
Tudo muito asseado, colorido, mistura de estilos, o clássico aliado ao moderno, a influência da música e dança e com um toque de muita alegria.
Os leques servem tanto para refrescar-se, como para a dança, e dão um charme a mais quando colocados nas paredes.







 Os ciganos são muito musicais e festivos, e tocar algum instrumento, é algo habitual entre eles.
A roda remete ás antigas carroças que, usavam nas travessias de um lugar para o outro, e também á simbologia da Roda de Samsara (Roda das encarnações de acordo com os textos sagrados hindus).






Almofadas estampadas, ou lisas, e tudo com muita vibração e cor.





Os tapetes além de trazerem muita sofisticação e beleza, aquecem nos dias mais frios, e são sempre presentes em seus lares.








A Mandala muito utilizada especialmente pelos indianos, cuja provável etnia a qual provém os ciganos, pode ser usada para adornar almofadas, toalhas, cortinas, ou mesmo paredes.






O povo cigano é muito religioso, místico e costuma gostar de acender velas e incensos, e também utiliza aromas para atrair boas energias.



















Desejando a todos uma excelente semana repleta de boas energias.
Optchá!
Abração com carinho
Elza Ghetti Zerbatto










imagens: https://pt.depositphotos.com







Escritores ciganos famosos

Boa tarde! O povo cigano tem uma forte conexão com a natureza, e um grande orgulho de sua cidadania. Além da imensa capacidade de ad...